FAKE NEWS DO GABINETE DO ÓDIO – Paulo Fundão rebate notícia falsa de porta-voz do Prefeito e diz que vai reverter suspensão de concurso da Câmara; decisão do TCE-ES atende ato de vingança de vereador danielista; jornalista André Oliveira solicita ao Presidente do Legislativo apoio para punição a criminoso contumaz acobertado que causa instabilidade no ambiente da Comunicação Social em São Mateus: “Jornalistas e servidores do Legislativo que fazem parte desses grupos Boca no Trombone deveriam se sentir envergonhados por serem coniventes com a prática de crimes de calúnia, injúria, difamação, racismo, intolerância religiosa e ameaça”

0
41

O presidente da Câmara de São Mateus, vereador Paulo Fundão (PP), rebateu em coletiva à Imprensa nessa quarta-feira (28/06), fake news institucionalizada do gabinete do ódio que atua a mando do prefeito Daniel Santana (sem partido), frisando que o concurso público do Legislativo foi suspenso e não cancelado, como propagou o sistema criminoso que tenta a todo custo desestabilização o ambiente da Comunicação Social em São Mateus.

Paulo Fundão frisou que, em cumprimento à decisão do Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo (TCE-ES), paralisou temporariamente o processo administrativo de execução do concurso público. Mas deixou claro que “o concurso público da Câmara de São Mateus não está cancelado” e garantiu que não haverá prejuízos para quem se inscreveu. Ele reforçou que a suspensão é para que sejam prestados os esclarecimentos requeridos pelo TCE-ES.

A Presidência da Câmara de Vereadores emitiu um Comunicado e uma Nota Oficial esclarecendo os fatos. Além disso, Paulo Fundão recebeu representantes de veículos de comunicação da região, incluindo o CENSURA ZERO e o BLOG DO ANDRÉ OLIVEIRA, para a primeira coletiva de imprensa na nova sede do Parlamento Municipal.

Aos jornalistas, ele assegurou que não há nenhuma irregularidade no concurso público, que, aliás, vem exigido pelo Ministério Público há pelo menos seis anos. O presidente recordou que o concurso público mais recente foi realizado em 1992 e, atualmente, a Câmara tem apenas cinco servidores efetivos.

Paulo Fundão foi categórico ao afirmar que vem sofrendo “retaliações, inclusive com denúncias sem fundamentos na esfera judicial, desde que se posicionou contrário ao chamado Projeto dos R$ 100 Milhões, no início do ano”. O autor da ação no Tribunal de Contas é Cristiano Balanga, considerado na Comunidade Mateense “um vereador problemático” e que é integrante da base do prefeito Daniel no Legislativo. No meio político, a constatação é de que é o prefeito quem está por trás da ação judicial.

RESPOSTA AO TCE-ES

O presidente da Câmara Municipal disse que seguiria para Vitória a fim de apresentar a defesa do concurso. Ele explicou que, “por conta de perseguições políticas, houve mais de 20 denúncias de irregularidades, com a grande maioria sendo prontamente rechaçada pelo TCE-ES”.

Aos representantes da Imprensa Regional, Paulo Fundão disse que “a alegação de que não houve estudo preliminar para o concurso não procede, haja vista que na legislatura anterior tal procedimento foi tomado para um concurso que acabou não sendo levada adiante”. Ele argumentou também que não há cobrança superfaturada nas inscrições. “Vamos mostrar que os valores estão dentro do mercado”, destacando que, para as 29 vagas disponíveis, foram registradas 1.695 inscrições deferidas.

O presidente assegurou que o concurso de 2023 não tem custos para a Câmara Municipal e, provavelmente, poderá ser deficitário para a empresa prestadora, que arrecadou em torno R$ 140 mil e tem despesas estimadas em aproximadamente R$ 139 mil. Paulo Fundão frisa que no Brasil um concurso de tal envergadura não sai por menos de R$ 500 mil.

VEJA A ÍNTEGRA DA ENTREVISTA COLETIVA DO PRESIDENTE DA CÂMARA DE SÃO MATEUS, PAULO FUNDÃO: CLIQUE AQUI!

FOTO: SECOM-CMSM/DIVULGAÇÃO

PUNIÇÃO AO GABINETE DO ÓDIO

Durante a entrevista coletiva, o Diretor de Jornalismo e Conteúdo do CENSURA ZERO, jornalista e radialista André Oliveira, solicitou ao presidente da Câmara de São Mateus, Paulo Fundão, e obteve aceno positivo, à adoção de providências legais com relação à fake news institucionalizada propagada pelo gabinete do ódio que atua diretamente ligado ao Executivo Municipal, colocando-se como assessor informal e porta-voz do prefeito Daniel Santana.

“Uma notícia falsa sobre o cancelamento do concurso público do Poder Legislativo, causando prejuízos irreparáveis a tantas pessoas de São Mateus, do Espírito Santo e até de outros estados, não consegue ser revertida nem com a soma das notícias verdadeiras de todos os veículos de comunicação aqui representados. É preciso haver providências legais da Câmara de Vereadores contra a atitude desse criminoso contumaz que age na Cidade acobertado pelo Prefeito”, destacou André Oliveira.

O Diretor do CENSURA ZERO e do BLOG DO ANDRÉ OLIVEIRA chamou a atenção do presidente Paulo Fundão, frisando que “já são muitos os prejuízos causados por Dilton Pinha, o Diltão de Daniel, à sociedade de São Mateus e também individualmente a diversas autoridades e cidadãos; e ele está cada vez mais sem limites por falta de punição”.

Afirmando que fazia a solicitação na prerrogativa do papel social do Jornalismo Profissional, André Oliveira lembrou que as fake news institucionalizadas contínuas propagadas pelo criminoso contumaz que assessora o prefeito Daniel da Açaí causam instabilidade no ambiente da Comunicação Social, especialmente para os veículos que atuam no Jornalismo Online, daí o CENSURA ZERO e o BLOG DO ANDRÉ OLIVEIRA agirem com veemência em relação ao tema, incentivando a Liberdade de Expressão com Responsabilidade e defendendo, incondicionalmente, a Liberdade de Imprensa.

“Jornalistas, vereadores e servidores do Legislativo que fazem parte desses grupos Boca no Trombone deveriam se sentir envergonhados por serem coniventes com a prática de crimes de calúnia, injúria, difamação, racismo, intolerância religiosa e ameaça”, afirmou André Oliveira, fazendo um apelo aos profissionais de Imprensa presentes e integrantes da Câmara Municipal.

VEJA FALA DO DIRETOR DO CENSURA ZERO, JORNALISTA ANDRÉ OLIVEIRA: CLIQUE AQUI!

O OUTRO LADO

CENSURA ZERO e o BLOG DO ANDRÉ OLIVEIRA disponibilizam espaço, a qualquer tempo, para possíveis manifestações dos citados nesta reportagem.

Havendo retorno, o texto será atualizado.

BLOG DO ANDRÉ OLIVEIRA – INFORMAÇÃO COM CREDIBILIDADE! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui