Pedro Hemerly: “Nosso grande diferencial é a credibilidade”

0
143

PRÉ-CANDIDATO A PREFEITO DE SÃO MATEUS PELO PRB DESTACA ARTICULAÇÕES E ORGANIZAÇÃO PARA CHAPA COMPETITIVA

Pré-candidato a prefeito pelo PRB, o professor Pedro Hemerly articula o apoio de outros partidos para a composição de uma chapa majoritária competitiva nas eleições em São Mateus. Ele destaca o trabalho que vem sendo realizado em parceria com a Executiva Municipal do partido e frisa que a apresentação de um novo projeto à apreciação popular representa uma “forma de exercício pleno da cidadania”.



“Nosso grande diferencial é a credibilidade. Além disso, temos o preparo, o dinamismo, o amor pelo povo. Sempre digo que São Mateus precisa de libertação! Estamos preparados para soltar as amarras que prendem esta Cidade, e fazer uma administração nos moldes do ex-Presidente JK –fazer mais com menos, fazer “cinquenta anos em quatro”” – afirma Pedro, lembrando que o lema de Juscelino Kubischeck era ‘cinquenta anos em cinco’.

O republicano detalha que essa fase das articulações tem duas vertentes: “Uma com os partidos que a questão política perpassa com encontrar consenso nas divergências e formar um bloco sólido para sustentação da candidatura. A outra é com os nossos filiados e pré-candidatos, ou seja, fazendo as agendas junto deles, desenvolvendo o partido e os projetos”.

Ao analisar a atual administração do Município, Pedro reconhece que houve pontos positivos, como a instalação da empresa Volare, mas, numa avaliação mais criteriosa, entende que há uma crise de gestão, além da crise hídrica (mal gerenciada): “Fala-se até em atraso de pagamento de salários, demissões, corte de benefícios de servidores… Então é isso, uma administração fraca”.

MINIRREFORMA ELEITORAL

Pedro Hemerly analisa que a minirreforma andou bem em alguns aspectos, citando a questão do prazo de seis meses para filiação: “Muitas pessoas de bem, que poderiam estar nas câmaras municipais ou em prefeituras atualmente, não estão porque perderam o prazo de filiação. Um ano é muito tempo; nesse tempo o partido pode perder um excelente quadro por motivos diversos, como doença, morte, etc”.

Outro ponto destacado por Pedro é a redução do tempo de campanha para 45 dias, entendendo que faz diminuir o custo da campanha e favorece quem tem recall positivo. Além disso, diz que a proibição da participação das empresas em financiamento de campanhas trará dificuldades, mas deve, em tese, igualar um pouco a disputada.

“O PRB, por meio da Executiva Estadual e, em nosso caso, na Municipal, tem informado aos seus pré-candidatos das mudanças e de seus efeitos. Dentro de São Mateus, posso afirmar que o grupo de pré-candidatos já está formado. Foi todo formatado para cumprir as exigências da legislação anterior, mas, com essa nova conformação de prazos, ganhamos um fôlego, para caso ocorra algum imprevisto, alguma baixa, para poder estar substituindo, filiando outro pré-candidato” – detalhou Pedro Hemerly.

ESPERANÇA

Aos eleitores mateenses, o pré-candidato republicano deixa uma mensagem de esperança: “Deus está nesse negócio e Ele tem nos guiado, nos orientado. O mesmo Deus que mandou buscar Davi, o menor entre seus irmãos, para ungi-lo Rei de Israel, fará o mesmo com aquele que se colocar à disposição para servir, em retidão e em honestidade ao seu povo!”.
(Agência Visão Atalaia – Fotos: Divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui