Aulas presenciais do Qualificar ES começam nesta terça-feira (6/06)

0
51

As aulas dos cursos da 2ª oferta presencial do Programa Qualificar ES têm início nesta terça-feira (6/06). Os 61 cursos ofertados pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria da Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional (Secti), com 10 mil vagas, serão realizados em 149 polos presenciais localizados em 40 municípios.

A nova oferta foi de 8.965 vagas destinadas ao público geral e 1.045 vagas destinadas exclusivamente às mulheres. Essas vagas foram ofertadas pelo Qualificar ES, em parceria com o Programa Agenda Mulher.

A matrícula dos candidatos classificados será realizada nos três primeiros dias de aula de cada polo pelo professor que ministrará o curso, e é quando será entregue toda a documentação para que seja realizada a conferência dos dados, de acordo com a lista de classificados.

O candidato que não comparecer nos três primeiros dias de aula dos cursos do Programa Qualificar ES poderá ser excluído automaticamente do curso, sendo substituído pelo suplente. Não havendo suplente, será substituído por vagas remanescentes.

Os alunos que concluírem os cursos receberão um certificado de conclusão de curso, além de um kit empreendedor destinado aos cursos com aulas práticas. Só será permitido a entrega de um kit empreendedor por eixo.

DEMANDA INDUZIDA

As aulas terão início não só para os candidatos classificados da 2ª oferta. O Programa Qualificar ES oferta cursos para determinados grupos que estão atrelados a instituições associadas à demanda induzida.

A demanda induzida é uma oferta de cursos para alunos que estão atrelados a cinco instituições: Secretaria da Justiça (Sejus), que demanda cursos para internos de unidades prisionais; Instituto de Atendimento Socioeducativo do Espírito Santo (Iases), que atende jovens infratores em medidas socioeducativas; Centro de Referência das Juventudes (CRJ), que atende jovens dos bairros de vulnerabilidade; Associação dos Amigos dos Autistas do Espírito Santo (Amaes), que oferece cursos para mães de filhos com Transtorno do Espectro Autista (TEA); e a Rede Abraço, que oferta cursos para dependentes químicos em reabilitação.

Desde 2019, o Governo do Estado promove a parceria entre a Secti e as cinco instituições com demanda induzida para atender os indivíduos em situação de vulnerabilidade com medidas educativas e ofertas de cursos profissionalizantes.

“Não há concorrência entre os grupos atendidos com essa demanda e a comunidade que se inscreve nos cursos. As vagas estão sempre disponíveis para eles”, ressaltou o coordenador do Qualificar ES para demanda induzida, Aisio Carlos da Silva Machado.

Esta é uma iniciativa de inclusão destes grupos no mercado de trabalho e contribui para a qualificação profissional, com foco no empreendedorismo, prevenção da criminalidade, promoção da autoestima, senso de pertencimento local e melhoria das condições de desenvolvimento.

Para outras informações, CLIQUE AQUI!

BLOG DO ANDRÉ OLIVEIRA – IFNORMAÇÃO COM CREDIBILIDADE! | REDAÇÃO MULTIMÍDIA | COM INFORMAÇÕES DA SECOM-ES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui