Gamificação é a aposta das academias para atrair público

A busca de resultados aliado à diversão é a estratégia para fidelizar clientes cada vez mais exigentes. A Orange é um desses exemplos que chega ao Brasil.

0
18

Gamificação é o uso de mecânicas e dinâmicas de jogos para engajar pessoas, resolver problemas e aprimorar o aprendizado através da motivação em ambientes fora do contexto dos jogos. Esse conceito já é visto em empresas de diversos segmentos, para os públicos externos e internos. Lojas, escolas e academias são exemplos de setores que já utilizam a gamificação em suas estratégias.

Para o universo das academias, a gamificação traz diversos benefícios como o estímulo à competição saudável entre os alunos, o sentimento de conquista e a mensuração de resultados. Outra característica que favorece o uso da gamificação pelas academias é o fato dela ser acessível. Pessoas de qualquer idade ou tempo de treino, podem ter metas personalizadas, independente da modalidade exercida.

Um grande entusiasta da gamificação nas academias é o empresário do mercado fitness, Fernando Nero. “Durante os anos em que atuo com academias, percebi que as pessoas gostam de traçar metas e conseguir mensurar os resultados. A gamificação é uma maneira lúdica de incentivar o aluno a buscar sempre uma melhor performance, respeitando sua condição física” explica o empresário.

Com mais de 20 de atuação no mercado, Fernando está lançando no Brasil uma nova linha de academias que preza pela tecnologia e personalização. O grupo Ultra traz uma proposta de transformação por meio da atividade física, alinhada com as expectativas dos consumidores. Oferecendo modalidades de treino para cada necessidade.

Uma delas é a Orange – nome inspirado em Orange Zone, estado cardíaco que promove maior queima calórica, chegando a 91% da capacidade máxima. A Orange combina tecnologia, ciência e treinamento garantindo resultados. Sendo projetada para carregar o metabolismo após a queima calórica dando mais confiança aos alunos.

As aulas são coletivas, desenhadas para promover emagrecimento, utilizando: esteiras, remadores e exercícios funcionais. Ao final das aulas, cada participante recebe um e-mail individualizado com todas as informações do treino realizado. As unidades da Orange devem ser vistas nas principais cidades brasileiras ainda no 1º semestre de 2021.

Boutiques de condicionamento

O grupo Ultra está sendo lançado no Brasil com um portfólio de 5 academias: Ultra, Spider Kick, BYD, Orange e Ride State. Cada studio propõe um atendimento personalizado, visando público específicos. O grupo Ultra funciona no modelo de franquia, com investimentos a partir de R$ 200 mil. As unidades da Ultra já podem ser vistas em São Paulo, no Rio de Janeiro, em Brasília e em Curitiba. E nos próximos meses, aparecerão em outras cidades do País.

BLOG DO ANDRÉ OLIVEIRA | INFORMAÇÃO COM CREDIBILIDADE!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui